Como atrair Borboleta para seu jardim

5 jeitos de atrair borboletas para o jardim

Assim como as abelhas, as borboletas também têm a capacidade de agir como polinizadoras.

Foto: iStock by borchee Images

As borboletas são insetos muito importantes para manter o equilíbrio da natureza. Assim como as abelhas, elas também têm a capacidade de agir como polinizadoras. Além desta função, elas deixam os jardins muito mais bonitos e coloridos. Nós listamos cinco jeitos de atrair borboletas. Veja abaixo quais são eles:
1. Tenha plantas hospedeiras e com néctar em seu jardim. A primeira opção serve para abrigar os ovos e casulos das lagartas. As plantas com néctar ajudam a fornecer alimentos para as borboletas. Algumas sugestões são: maracujá, laranjeiras, bromélias, couve, margaridas, justícia, coneflower roxo, barba-de-barata, entre outras.

Foto: iStock by RomoloTavani Images

2. Pesquise quais são as espécies de borboletas mais comuns em sua região e veja quais são as plantas que elas mais gostam. Buscar espécies nativas é sempre a melhor opção para todo o equilíbrio da biodiversidade. (Veja aqui algumas nativas da Mata Atlântica)

3. Ofereça espaços com água para as borboletas descansarem. Pequenas fontes são boas opções. O ideal é deixa-los abrigados do vento. Não deixe água parada para evitar problemas com a procriação de mosquitos Aedes aegypti.

Foto: iStock by Getty Images

4. Se possível, tenha plantas comestíveis em seu quintal. Árvores frutíferas, ervas e legumes, servem como alimentos para os humanos e também para as borboletas. Esta é uma excelente oportunidade para as crianças entenderem as funções dos polinizadores na produção de alimentos.

Foto: iStock by Getty Images

5. Seja orgânico. O uso de pesticidas e agrotóxicos afasta e pode até matar as borboletas e outros insetos benéficos, que costumam ser atraídos ao jardim. Portanto, mantenha sempre o plantio orgânico. Faz bem para a saúde e para o meio ambiente.

Por: Clicovivo

GO INSIDE SON DOONG, A MAIOR CAVERNA DO MUNDO. É MAGNÍFICA

O Son Doong Cave no Vietnã é a maior caverna do mundo. 

Tem mais de 5,5 milhas de comprimento, tem uma selva e um rio, e pode caber um arranha-céus de 40 andares dentro de suas paredes.
Mas ninguém sabia nada disso até cerca de dez anos atrás.
A caverna recentemente descoberta foi promovida como a maior do mundo, embora outras cavernas como: (Mammoth Cave em Brownsville, Kentucky nabs com cerca de 400 quilômetros de passagem) e a mais profundo (Krubera Cave na nação da Geórgia ).
Um homem local descobriu a entrada da caverna em 1991, mas os cavers britânicos foram os primeiros a explorá-lo em 2009. A empresa de turismo Oxalis vem realizando passeios de experimentação da caverna desde dois verões atrás.
As pessoas sortudas que entraram em Son Doong até agora, como o fotógrafo John Spies , surgiram com algumas fotos incríveis...



O homem que descobriu Son Doong não entrou porque a entrada que encontrou tinha uma queda muito íngreme. Em passeios, visitantes descem 80 metros de rappel para entrar no Son Doong.


Na sua primeira noite dentro da caverna, os visitantes acamparam perto da Mão do Cão, uma estalagmite gigantesca que parece uma pata de cachorro.
O telhado da caverna colapsou há séculos, permitindo que uma selva exuberante enraizasse.  Macacos e raposas voadoras vivem em que exploradores chamaram de o Jardim do Éden.

Campos de algas das antigas piscinas, partes cobertas no interior da caverna.
Son Doong é um bote de pérolas de cavernas raras. As pérolas se formam durante centenas de anos à medida que a água escorre, seca e deixa camadas de cristais de calcita em grãos de areia.
Os cientistas descobriram espécies de plantas nunca antes vistas em torno das cachoeiras de Son Doong. Ah, e há um rio inteiro lá também.



Foto: John Spies and Carsten Peters/Getty Images. 
Fonte